sexta-feira, 3 de julho de 2009

Ser céu, sol e estrelas


Digo que te amo
sorris e eu amo,
digo que te quero
sorris e eu quero,
dizes em sonho
sem sonhos que já tive,
onde desejei ser céu sol e estrelas
para que te pudesse olhar eternamente

Jorge Reis-Sá, in 'A Palavra no Cimo das Águas'

2 comentários:

Lídia Borges disse...

De como a simplicidade pode ser tocante.

Muito bonito este seu dizer!

Um beijo

ŁǺи¥ disse...

R: Oi, bom dia! Desculpa o "sumiço"... estava sem net.
Obrigada pelo comentário... rs

Tenha um ótimo dia e bom trabalho!

Abraço =)